O guarda-redes brasileiro Renan Ribeiro integrou hoje o treino do Sporting “sem limitações”, numa sessão em que o técnico Rúben Amorim contou mesmo assim com o guardião Anthony Walker, futebolista dos sub-23.

Renan Ribeiro já tinha trabalhado na quarta-feira, mas sob vigilância, após recuperar de lesão, num momento em que os ‘leões’ passam a ter apenas indisponível o avançado brasileiro Luiz Phellype, em recuperação a uma rotura de ligamentos num joelho.

Numa manhã de muito calor, a equipa leonina voltou a trabalhar na Academia de Alcochete, onde tem preparado o regresso à I Liga, após a suspensão devido à pandemia da covid-19, naquele que será apenas o segundo jogo de Rúben Amorim, contratado em março.

A formação verde e branca volta a treinar na sexta-feira, a uma hora bem diferente do habitual, pelas 21h00, no Estádio José Alvalade, anunciou o clube 'leonino' no seu site oficial.

O regresso acontecerá em casa do Vitória de Guimarães, na quinta-feira da próxima semana, a partir das 21:15, em jogo da 25.ª jornada.

Os ‘leões’ ocupam a quarta posição na I Liga, com 42 pontos, a 18 do líder FC Porto, enquanto o Vitória de Guimarães é sexto, com 37.

A I Liga vai ser reatada, sob fortes restrições e sem público nos estádios, em 03 de junho, com o encontro entre Portimonense e Gil Vicente, naquele que vai ser o primeiro dos 90 jogos das últimas 10 jornadas, disputadas até 26 de julho.

Após 24 jornadas, o FC Porto lidera a competição, com 60 pontos, mais um do que o campeão Benfica.

Além do principal escalão, também a final da Taça de Portugal, entre Benfica e FC Porto, integra o plano de desconfinamento face à pandemia de covid-19, ainda em data e local a designar.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.