O Paços de Ferreira vai ter de ser perfeito a controlar as zonas de pressão e tentar marcar ao Belenenses SAD, defendeu hoje o treinador pacense, na antevisão ao jogo da 13.ª jornada da I Liga de futebol.

Pepa começou por lembrar na conferência de antevisão ao jogo de domingo que, "quem sofre poucos golos, fica sempre mais perto de ganhar", referindo-se ao Belenenses SAD, de quem diz ser das "equipas que procuram muito, e bem, o jogo mais direto".

"Isto não lhe retira valor, porque significa que é das equipas mais objetivas, o que coloca sempre as linhas defensivas (contrárias) com muita instabilidade de subir, baixar, controlar as referências de pressão. E aí temos que ser perfeitos", disse Pepa.

O técnico pacense falou também de "uma equipa muito coesa, agressiva e competitiva, com uma mistura de juventude e experiência", e, por isso, reconheceu tratar-se de um desafio "muito difícil", ao qual o Paços tentará responder com eficácia.

"Interessa as dinâmicas, os caminhos e as zonas onde podemos criar superioridade, perceber onde os podemos agredir, no bom sentido da palavra. Isso é o mais importante e está trabalhado, sendo um desafio para nós dentro de campo tentar colocar isso em prática. O nosso desafio é continuar a marcar golos", sublinhou.

O Paços está numa situação confortável, colado aos lugares europeus, mas Pepa mantém os pés no chão e garantiu que o relaxamento não entra no balneário.

"Estamos confortáveis, mas queremos muito mais e melhor e não acredito, por todos, que haja algum tipo de relaxamento. O grupo é ambicioso, a ideia de jogo ajuda a valorizar jogadores e o clube, e a divertirem-se dentro de campo, sempre com muita responsabilidade e os olhos postos na baliza adversária", referiu.

Pepa foi ainda desafiado a falar do reforço argentino Cristian Parano, médio contratado no escalão secundário dos Estados Unidos, reconhecendo que o jogador, de 21 anos, "tem um potencial tremendo, mas há que ter tempo e paciência".

"Tem de crescer muito em termos de capacidade física, resistência principalmente, e requer muita adaptação", concluiu.

Jorge Silva e Dor Jan continuam a recuperar de lesões e vão manter-se de fora das opções de Pepa.

O Paços, no sexto lugar, com 19 pontos, defronta o Belenenses SAD, 13.º classificado, com 12, no estádio do Centro Desportivo Nacional do Jamor, no domingo, às 20:00, num jogo que terá arbitragem de João Pinheiro, da associação de Braga.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.