O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), Pedro Proença, confirmou na tarde desta sexta-feira que vão ser realizados cinco jogos de teste para o regresso do público aos estádios de futebol.

O Santa Clara-Gil Vicente da 3.ª jornada da I Liga, marcado para este sábado em Ponta Delgada, vai ser o primeiro encontro com público nas bancadas. Além deste jogo, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) já tinha revelado que os próximos jogos da seleção portuguesa frente à Espanha e à Suécia, ambos no estádio Alvalade XXI, tinham sido autorizados a receber público.

Agora, depois de reunião com a Direção-Geral de Saúde, Pedro Proença anunciou que vão acontecer mais dois jogos teste. "Foi uma reunião proveitosa. Conseguimos chegar a um consenso que a Liga já vinha reivindicando. Vamos conseguir fazer, já a partir da manhã, com a chancela do Governo, o início dos testes piloto nas competições profissionais. Será uma sequência de jogos que começará com o Santa Clara-Gil Vicente, terá depois dois jogos da seleção nacional. Segue-se o Académico Viseu-Académica no dia 8 e depois o Feirense-Chaves", revelou.

COVID-19: Adeptos separados por cinco lugares no primeiro jogo com público da I Liga
COVID-19: Adeptos separados por cinco lugares no primeiro jogo com público da I Liga
Ver artigo

"Todos estes jogos das competições profissionais vão ser monitorizados pela própria Liga. Depois de cada jogo enviar-se-á um relatório que será enviado à Direção-Geral da Saúde. A última reunião conclusiva será no dia 19 e depois tomar-se-ão as decisões finais, relativamente ao que são as conclusões dos testes-piloto", afirmou o presidente da Liga à saída da reunião.

Pedro Proença salientou ainda que a Liga já fica satisfeita com este pequeno passo. "Conseguimos o que queríamos: o início destes testes pilotos que terão 10% da capacidade máxima dos estádios. Acreditamos que este é o primeiro passo para que a integração do público nos espetáculos desportivos e particularmente no futebol profissional comece a acontecer com toda a naturalidade, mas fundamentalmente com toda a responsabilidade que este momento nos exige e no qual a Liga Portugal tem estado embuída", rematou.

Além disso, o presidente da Liga explicou ainda que o objetivo destes jogos "é testar as infraestruturas, perceber os planos de contingência e como os próprios clubes estão preparados para receber o público, num plano pandémico completamente distinto e diverso. Como é que os clubes de futebol profissional podem responder a estes desafios."

Graça Freitas diz que jogos com público serão "teste-piloto"
Graça Freitas diz que jogos com público serão "teste-piloto"
Ver artigo

Já o secretário de Estado Adjunto e da Saúde reforçou que nenhuma decisão vai ser tomada para já. "Depois destes projetos piloto vamos fazer uma análise, vamos reavaliar e tomaremos decisões. Faremos uma análise para avaliar como correu e serão reavaliadas as decisões", esclareceu António Lacerda Sales.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.