Felipe Morato, defesa central de 18 anos do São Paulo, é o mais recente nome a ser apontado como possível reforço do Benfica, e a vontade do central brasileiro é mesmo mudar-se para a Luz, como revelou o pai do jogador.

Em entrevista à Rádio Renascença, Tiago Almeida confirmou o desejo do Benfica em avançar para a contratação e do filho.

"É lógico que o Felipe gostaria de ir para o Benfica, é um grande clube. Caso fechem o acordo, ele aceitaria de bom grado. Mas não depende só dele. Na verdade, depende 100% do São Paulo. Basta o São Paulo bater o martelo. Pela vontade do meu filho, ia já para o Benfica. O São Paulo é o detentor do passe. Depende do São Paulo e, depois, de nos sentarmos e conversar", afirmou Tiago Almeida, revelando que o defesa-central tem contrato com os paulistas até dezembro de 2023.

"O Felipe tem contrato com o São Paulo. Ele trabalha, hoje, para o São Paulo. Vamos fazer o que for bom para o São Paulo e que, em contrapartida, seja bom para o jogador. A partir daí, acredito que haja negócio. Mas vamos esperar e ver se o São Paulo aceita ou não a proposta e como foi feita a proposta, temos de entender isso melhor", acrescentou.

Tiago Almeida revelou ainda que o jovem central tem um sonho de um "ídolo" no clube da Luz, onde já brilharam outros defesas centrais brasileiros como Luisão ou David Luiz.

"Se sair do São Paulo para o Benfica, a pretensão é fazer carreira no Benfica e ser ídolo no clube. Mas também dependerá do Benfica, caso o Benfica queira não vendê-lo. A intenção do Felipe é fazer carreira no Benfica, ser ídolo e fazer história", concluiu.

Morato tem contrato com o São Paulo até 2023 e uma cláusula de rescisão de 50 milhões de euros, sendo que o emblema brasileiro só admite vender o jogador por cerca de 15 milhões de euros.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.