Na véspera do ato eleitoral para a presidência do Benfica, Luís Filipe Vieira concedeu mais uma entrevista, na qual se defendeu das acusações de que usa o Benfica como escudo, em proveito próprio.

"Há quem diga que estou demasiado velho, mas não sei o que querem dizer com isso. O que eu acho é que sou a única pessoa que consegue direcionar o Benfica na estratégia definida. Encontro-me de perfeita saúde para levar o Benfica onde eu quero. Eu não preciso do Benfica, estão redondamente enganados. O que há é muita gente preocupada com a minha continuidade e disso não tenho dúvidas", começou por apontar.

À conversa com a Rádio Renascença, o líder máximo das 'águias', candidato a novo mandato nas eleições desta quarta-feira, deixou também vários recados aos opositores, em especial a Noronha Lopes. "Não temo Noronha Lopes, mas com ele vale tudo para chegar ao poder", atirou.

Luís Filipe Vieira falou ainda sobre Rui Costa e sobre uma eventual candidatura do antigo jogador à presidência do Benfica depois do mandato que agora vai a votos. "Daqui por quatro anos se o Rui estiver disponível para se candidatar, eu darei a minha opinião. O Rui representa o futuro, queira ele estar disponível e aí serão os sócios a escolher", lembrou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.