O guarda-redes Miguel Silva transferiu-se do Vitória de Guimarães, clube que representava desde 2013, para o APOEL, do Chipre, confirmou hoje o emblema da I Liga portuguesa de futebol, em nota publicada no sítio oficial.

Os minhotos esclareceram ainda, no mesmo comunicado, que "mantêm 62,50% dos direitos económicos" do guardião, de 25 anos, cujo contrato com o Vitória durava até ao final da época 2021/22.

Miguel Silva estreou-se pela equipa principal dos vimaranenses em novembro de 2015, aos 20 anos, num triunfo fora de casa sobre o Boavista (2-1), para I Liga, e realizou, desde então, mais 90 jogos oficiais com a camisola vitoriana, 14 deles nesta temporada.

Natural de Guimarães, o guarda-redes cumpriu ainda 12 partidas pela equipa B do Vitória, na II Liga, e foi convocado para o europeu sub-21 de 2017, na Polónia, embora sem cumprir qualquer minuto pela seleção portuguesa.

O campeonato do Chipre foi dado como concluído em 15 de maio, após quatro das 10 jornadas do ‘play-off’ de campeão, sem atribuição de títulos nem descidas. À data, o APOEL era terceiro classificado.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.