Em entrevista ao jornal Record, Ferro confessa que quer ficar pelo menos mais um ano no Benfica. Recorde-se que o central foi promovido à equipa central em janeiro deste ano, afirmando-se como indiscutível desde que rendeu Jardel no eixo defensivo.

"Neste momento estou a pensar no Benfica, quero ficar no Benfica e estou muito contente de cá estar. Quero ficar no mínimo mais um ano", garantiu o defesa central, que chegou a estar perto de deixar a Luz.

“Sabia que não estava a ser aposta na equipa principal, sabiam que queriam ficar comigo na B, mas também achava que era um pouco curto. Mas o míster Bruno Lage sempre falou comigo e disse para eu não sair já, para esperar, pois ele acreditava em mim. Depois de tudo, ele acabou por ter razão e só tenho de lhe agradecer”, diz.

O jogador dos 'encarnados' falou ainda do sucesso que alguns dos seus antigos colegas estão a ter lá fora. “No passado já saíram muitos jovens sem jogar e serem campeões pela equipa principal e que nesta altura estão na elite do futebol. Agora, as pessoas que se calhar olhavam para isto com alguma desconfiança, olham como sendo a aposta certa. Muitos milhões de euros já entraram no clube fruto da venda desses atletas jovens”, observa.

Sem querer antecipar cenários, Ferro não nega que sonha chegar à Seleção Nacional: “É um sonho e trabalho para poder um dia chegar à seleção principal. Mas isso também acontecerá dependendo sempre da estratégia do míster Fernando Santos. Por exemplo, de quantos centrais e jogadores ele queira convocar em determinado momento. Claro que é um sonho, mas serei sempre mais um que está disponível para ajudar.”

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.