Fábio Martins, avançado do Famalicão recorreu ao Twitter para lançar uma reflexão aos atos ocorridos na última noite que atingiram o Benfica, obrigando Weigl e Zivkovic a serem observados no hospital depois do apedrejamento do autocarro onde seguia a equipa, além do vandalismo às casas dos jogadores 'encarnados' e de Bruno Lage.

"É suposto um jogador sentir-se mais motivado para ajudar o clube a chegar a vitórias depois de ver casa vandalizada, ter cabeças partidas, vidros nos olhos ou ser alvo constante de ameaças e assobios ? Comentem, sem aquela conversa do  ELES GANHAM MILHARES, TÊM DE SE SUJEITAR", escreveu o avançado. 

O autocarro do Benfica foi apedrejado na noite passada no regresso ao Benfica Campus, no Seixal, depois do empate frente ao Tondela no Estádio da Luz. Weigl e Zivkovic foram atingidos por estilhaços e foram reecaminhados para o Hospital da Luz para observação.

Ainda nessa noite as casas de vários jogadores do Benfica, como Pizzi e Rafa, bem como a casa de Bruno Lage foram vandalizadas com grafites em portões e portas.

 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.