O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol anunciou, esta terça-feira, a instauração de um processo disciplinar a Sérgio Conceição.

O técnico foi expulso na primeira parte do encontro frente ao Benfica da final da Taça de Portugal.

Nem técnico nem outro elemento da equipa técnico compareceram à conferência de imprensa, o que valeu uma multa de 4080 euros, de acordo com o mapa de castigos que foi divulgado.

O treinador dos azuis e brancos também insultou o árbitro Artur Soares Dias já no túnel de acesso aos balneários.

O futebolista colombiano Luís Diaz, expulso aos 38 minutos, por acumulação de cartões amarelos, foi punido com um jogo de suspensão.

Do lado do Benfica, destaque para os oito dias com que foi sancionado o diretor para o futebol, Tiago Pinto, que nos últimos minutos do encontro recebeu ordem de expulsão no banco de suplentes.

O motivo foi o uso de expressões ou gestos grosseiros, impróprios ou incorretos, nomeadamente, as expressões “isto é uma brincadeira... é uma vergonha", dirigidas ao árbitro assistente.

O FC Porto conquistou pela 17.ª vez a Taça de Portugal, o que lhe permitiu fazer a ‘dobradinha’, pois também tinha vencido o campeonato.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.