Declarações de Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, à Sport TV, após o triunfo por 3-0 sobre o Moreirense

Análise ao jogo: "Tivemos mais ocasiões de golo, mas houve alguns momentos que não gostei muito. Faltou alguma consistência, foi um jogo algumas vezes partido. Houve também momentos muito interessantes, os jogadores interpretaram muito bem o que queríamos, encontrar o Taremi entre linhas, depois usar largura e profundidade. Outras vezes complicámos o que era fácil. Mas foi um resultado justo, se tivéssemos feito mais um ou outro ninguém se surpreenderia."

Saída de Marega: "Senti que não estava tão bem no jogo, foi uma opção meter o Toni Martínez, e no final foi para refrescar a frente de ataque, havia algum desgaste físico do Corona, do Luis Díaz e o próprio Mehdi Taremi. Não nos podemos esquecer que há pouco tempo saiu com um toque, temos de ter algum cuidado com isso e gerir da melhor forma."

FC Porto melhor depois de marcar o primeiro: "Sim, foi aos 20 minutos, o adversário também joga, também defende. A partir daí tivemos situações para chegar ao intervalo com um resultado mais volumoso. Na segunda parte, fomos à procura do segundo golo, que chegou já tarde. Foi um jogo controlado, um bom jogo, nada de espetacular, mas estou satisfeito com a vitória."

Segundo lugar à condição: "Vamos à procura daquilo que é o nosso lugar, somos os campeões, temos de ir atrás do primeiro lugar, jogo a jogo, é isso que temos de fazer: olhar para cada jogo como uma final, estamos a correr atrás do prejuízo, não podemos perder mais pontos. É uma maratona e estamos preparados."

O FC Porto ascendeu, provisoriamente ao segundo lugar da I Liga de futebol, ao vencer 3-0, este domingo, na receção ao Moreirense, em jogo da 12.ª jornada da prova, beneficiando do adiamento para segunda-feira do Santa Clara-Benfica. Valeram aos campeões nacionais, que somaram o sexto triunfo consecutivo na prova, os golos de Sérgio Oliveira, anotado aos 22 minutos, na conversão de uma grande penalidade, do espanhol Toni Martinez, aos 88, e do brasileiro Evanilson, aos 90+1, impondo ao Moreirense nova derrota, depois de três jogos sem perder.

Com esta vitória, o FC Porto sobe provisoriamente ao segundo lugar, com 28 pontos, a quatro do comandante Sporting e com mais um do que o Benfica, que este domingo viu o seu jogo nos Açores, diante do Santa Clara, adiado para segunda-feira devido ao mau tempo, enquanto o Moreirense é oitavo, com 13.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.