O Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol esclareceu esta quarta-feira que as multas aplicadas "no âmbito do jogo Vitória SC-FC Porto não estão relacionadas com insultos racistas".

Os insultos a Marega estão a ser avaliados através de um processo disciplinar, mas o CD decidiu prestar esse esclarecimento face a algumas notícias pouco claras, que terão mesmo levado o avançado do FC Porto a reagir de forma irónica ao castigo de 714 euros aplicado ao emblema minhoto.

"Cumpre esclarecer que as multas aplicadas pelo Conselho de Disciplina no âmbito do jogo Vitória SC-FC Porto não estão relacionadas com insultos racistas. As multas ontem divulgadas resultam de outro tipo de infrações, que nada têm a ver com atos discriminatórios, conforme está devidamente publicado e fundamentado no mapa dos processos sumários (Comunicado Oficial 180) que pode ser consultado no site da FPF e da Liga Portugal", pode ler-se no comunicado do CD.

O CD esclarece ainda que, em relação aos cânticos racistas que Moussa Marega foi alvo, "o Conselho de Disciplina instaurou, no passado dia 18 de fevereiro, um Processo Disciplinar que de imediato foi enviado à Comissão de Instrutores da Liga Portugal, onde se encontra em fase de inquérito".

Esta quarta-feira, através da rede social Instagram", Marega ofereceu-se para pagar a multa pelo Vitória de Guimarães, de forma irónica. "Não, é muito. Liga, posso pagar por eles?", escreveu o internacional maliano.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.