Carlos Carvalhal, que foi recentemente apresentado como novo treinador do Sporting de Braga, falou com a 'Tribuna Expresso' sobre o novo passo que toma na sua carreira.

"Estou hiper confortável, em função do meu passado. Venho agora para o Braga já com estatuto e o meu percurso tem sido muito assim. Nós gostamos de ir onde nos querem. O presidente disse: 'Gostava muito que viesses, és a nossa única opção.' Vou fazer dois excelentes anos no Braga e volto para a Premier League", revelou o treinador português.

Já sobre a equipa dos arsenalistas para a próxima temporada, Carlos Carvalhal admitiu que gostava de ter Mehdi Taremi em Braga. "Sim, obviamente que sim. O Mehdi foi um jogador que eu apostei e demorei quase um mês para convencer. Ele está para o futebol como eu. Gosta de pessoas que o agarrem pelo braço e façam sentir. Ele é uma pessoa de afetos e gosta de se sentir desejado e foi por isso que acabou por ir para o Rio Ave. Ele seria um jogador já para um nível completamente diferente", salientou.

Além disso, Carvalhal comentou ainda os rumores de que Gaitán pode rumar a Braga. "Se vier, acrescenta. Tive oportunidade de falar com ele, que isso é muito importante para perceber o que vai na cabeça de um jogador e foi determinante para dar o OK final. Jogador extremamente motivado, cheio de vontade. O Gaitán pareceu-me um jogador orgulhoso e estes grandes jogadores, que chegam à casa dos 30 anos e têm um desafio de conseguir prosseguir a sua carreira, querem demonstrar que estão num nível alto", explicou o treinador do Sporting de Braga.

Depois de, na última temporada, ter levado o Rio Ave ao quinto lugar e ao consequente apuramento para a Liga Europa, Carlos Carvalhal vai, assim, regressar ao comando técnico do Braga, por onde já passou durante a temporada de 2006/07. Natural daquela cidade, como jogador representou também o conjunto minhoto durante várias temporadas.

Carlos Carvalhal, de 54 anos, iniciou a carreira de treinador no Sp.Espinho em 1998/99. Em Portugal passou também pelo leme de Freamunde, Aves, Vizela, V.Setúbal, Leixões, Belenenses, Beira-Mar e Sporting, para além de Rio Ave e Braga. Além-fronteiras orientou o Asteras Tripolis, na Grécia, o Besiktas e o Basaksehir, na Turquia, e o Sheffield Wednesday e o Swansea, no Reino Unido.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.