Para as dores da eliminação da Liga dos Campeões frente ao PAOK passarem, o Benfica tomou uma goleada e começou a Primeira Liga com chave de ouro ao vencer o Famalicão com 'Chapa 5'.

O estreante Waldschmidt bisou, Everton marcou o seu primeiro golo na I Liga, numa partida que também contou com tentos de Rafa e Grimaldo. Guga fez o único golo dos famalicenses que começaram a competição com o 'pé esquerdo'.

Dois golos com o 'patrocínio' Waldschmidt & Darwin LDA

O Benfica entrou em campo à procura de colocar para trás das costas o resultado em Salónica e Jorge Jesus promoveu quatro mudanças no onze inicial face ao que tinha apresentado frente ao PAOK: Seferovic, Pizzi, Weigl e Pedrinho saíram da equipa inicial para dar lugar a Gabriel, Rafa e aos estreantes Darwin e Waldschmidt.

Foi desta dupla de estreantes nestas andanças do campeonato português que os primeiros lances de perigo surgiram e foi esta mesma dupla que 'patrocinou' o primeiro tento da partida: passe de Darwin a isolar Waldschmidt que, no frente-a-frente com Zlobin, picou a bola pelo guardião e deu início ao programa do Benfica para a noite em Famalicão.

O golo do alemão abriu a torneira do ataque benfiquista que voltou a marcar dois minutos depois, de novo por um reforço de verão, desta vez Everton 'Cebolinha', que após passe de André Almeida chutou à entrada da área para o 2-0. Antes do intervalo, tempo ainda para um livre direto, marcado de forma irrepreensível por Grimaldo, traduzir-se no terceiro golo das 'águias' na partida.

O segundo tempo começou com um Famalicão a tentar pressionar, mas foi sol de pouca dura: o Benfica voltou a superiorizar-se na partida e somou o quatro golo, depois de uma escorregadela e passe de Everton para Rafa apontar o 4-0 aos 52'. Mais golos só se voltaram a ver já depois da hora de jogo, um para cada lado.

A dupla que abriu a contagem seria a responsável por fechar a torneira dos golos 'encarnados' aos 66 minutos: Darwin arrancou pela direita até à grande área, altura em que cruzou para Waldschmidt que à entrada da baliza só teve de encostar para a 'manita' das 'águias'. Mais um golo 'patrocinado' por Waldschmidt & Darwin LDA, uma dupla que deixou boas indicações logo na estreia.

O Famalicão reduziu o resultado logo no minuto seguinte por Guga após passe de Lameiras. O mesmo Lameiras, já depois dos 90',  atirou com estrondo ao poste da baliza de Odysseas mas o resultado não voltou a mexer: fim do jogo e uma entrada em grande do Benfica para sarar as feridas da viagem a Salónica.

Momento: Golo de Grimaldo, 42 minutos

Um livre para os livros de "Como marcar livres". O espanhol foi chamado a converter o lance à entrada da área a três minutos do final da primeira parte e fez o terceiro do Benfica com um livre marcado de forma irrepreensível. Golaço.

O Melhor: Waldschmidt

Não há como fugir: o alemão foi a unidade em destaque na partida. Foi o primeiro a cheirar o golo aos oito minutos quando atirou à malha lateral e foi dele o golo que deu início à goleada encarnada e o que fechou a contagem. Dois golos na estreia, nada mal. É certo que foi o primeiro jogo oficial do alemão nas 'águias', mas as indicações que deixou em Famalicão são bastante positivas.

O Pior: Defesa famalicense

É certo que o Famalicão - apesar do resultado - deu algumas boas indicações de que poderá almejar a uma época semelhante à última, mas a defesa do 'Fama' não conseguiu contrariar o impeto benfiquista e acabou 'atropelada' pelo ataque 'encarnado'. Um resultado pesado para a equipa sensação da última época.

Reações

Jorge Jesus: "Era importante vencer, mas vencer e convencer é melhor ainda"

João Pedro Sousa: "Pode parecer estranho, mas estou contente com a minha equipa"

Guga: "Sabíamos da dificuldade, tentamos dar o nosso melhor"

Waldschmidt: "O primeiro jogo é sempre especial, é bom quando começamos bem"

Resumo

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.