O Tottenham de José Mourinho venceu, este domingo, o City de Guardiola por 2-0 em partida a contar para a Premier League.

Os citizens viram-se condicionados e em inferioridade numérica à passagem do minuto 60´depois da expulsão de Olexandr Zinchenko.

Com mais um homem, os spurs conseguiram apontar dois golos por intermédio de Steven Bergwijn (63´) e Son Heung-min (71´).

A partida acabou por ser marcada por muita polémica e pelo VAR. Steven Bergwijn, dianteiro que foi contratado na reabertura de mercado fez um dos golos da equipa de José Mourinho.

Bernardo Silva entrou aos 84 minutos na equipa do City.

Com este resultado, a equipa londrina aproveitou o empate do Chelsea e está já mais próximo do 4.º lugar.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.