Michael Owen teme que o atual contexto no Manchester United seja prejudicial para Bruno Fernandes, possível contratação dos 'red devils'. O antigo avançado dos 'vermelhos' de Manchester aconselhou o clube a não contratar jogadores muitos caros neste mercado de inverno, sob pena de fracassarem. E lembrou o casos de Di Maria e Alexis Sanchez.

"Acho que os jogadores que chegam aqui acabam por regredir enquanto futebolistas e isto é, para mim, o aspeto mais preocupante. Podemos concordar ou discordar, mas o Alexis Sanchez era o melhor jogador da Premier League nos dois, três anos anteriores. Como podes passar desse nível para algo tão mau? Podes continuar a procurar mais nomes... Não consigo ver um jogador que tenha sido contratado nos últimos sete anos e que possamos dizer que tenha evoluído enquanto jogador. Quanto muito ficam na mesma.... Por isso, podemos falar de contratações, bem ou mal, mas temos de concordar que todos pensávamos que o Alexis seria uma brilhante contratação", começou por explicar à 'Premier League Productions'.

Para Michael Owen, o problema está no clube e não nos jogadores.

É normal dizermos que está tudo mal, mas por que razão sucede isso? Se continuas a desperdiçar dinheiro, Di María e outros grandes jogadores... Não é coincidência que eles tenham todos acabado por ser más contratações. Algo está mal no clube, pois não conseguem tirar o melhor dos jogadores. Creio que primeiro tens de perceber o que se passa antes de gastar mais uns 100 milhões. É por isso que digo que, se mandasse no clube, estaria muito hesitante em dizer 'sim, vamos lá contratar mais um jogador de 100 milhões'. Seria um desperdício novamente...", analisou.

Até ao fecho do mercado, no dia 31 de janeiro, próxima terça-feira, Bruno Fernandes poderá abandonar o Sporting e rumar ao Manchester United. Os dois emblemas continuam em negociações.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.