As equipas de resgate encontraram o avião onde seguia Emiliano Sala, este domingo, no Canal da Mancha.

De acordo com o gabinete de inquérito a acidentes aéreos (Air Accidents Investigation Branch ou AAIB) de Inglaterra, as primeiras imagens subaquáticas mostram um corpo dentro dos destroços do avião, um monomotor Piper PA-46-310P Malibu, no qual Emiliano Sala viajava de Nantes para Cardiff, antes de desaparecer dos radares, 21 de janeiro. Não se sabe ainda se o corpo pertence a Emiliano Sala ou ao piloto David Ibbotson.

Destroços do avião que transportava Emiliano Sala
Destroços do avião que transportava Emiliano Sala

"Infelizmente, nas imagens captadas do avião, é possível ver um corpo entre os destroços. A AAIB vai agora pensar no que fazer a seguir, depois de consultar os familiares do piloto e do passageiro, e também depois de falar com a polícia", disse David Mearns, o especialista em buscas subaquáticas que comanda a operação privada de resgate.

A família de Sala e do piloto já foram informados. Horacio Sala, pai do jogador argentino, não conseguiu esconder o desespero depois de ter sido informado pela equipa de Mearns da descoberta dos destroços do avião onde seguia o filho.

Os acidentes aéreos mais graves da história do futebol
Os acidentes aéreos mais graves da história do futebol
Ver artigo

"Não posso acreditar, isto é um sonho, um sonho mau...estou desesperado. A minha mulher, os meus filhos e alguns amigos do Emiliano [Sala] estão lá. Não falei com ninguém. Falo com eles todos os dias, mas como o meu telefone não tem Whatsapp, não lhes telefono muitas vezes nem eles a mim", comentou.

A operação de recuperação do corpo e dos destroços só deverá ser retomado na terça-feira, devido às más condições climatéricas no Canal da Mancha.

A equipa de resgate, liderada pelo oceanógrafo David Mearns, da empresa Blue Water Recoveries, começou à procura do avião no Canal da Mancha este domingo e, poucas horas depois do início da busca, conseguiram localizar o avião por sonar. Em declarações à BBC Radio 4, David Mearns acredita que é possível encontrar os corpos de Emiliano Sala ou ao piloto David Ibbotson, uma vez que o avião está quase intacto, no fundo do Canal da Mancha.

"Tudo o que posso dizer é que há uma grande quantidade de destroços no fundo do mar. Localizamos os destroços no fundo do mar a uma profundidade de cerca de 63 metros, poucas horas depois de termos iniciado a investigação. Depois, tivemos que identificar o avião, através do número de registo", disse o especialista, impressionado pela forma como encontrou os destroços

"O que mais nos impressionou foi estar tudo ali. Esperávamos encontrar um campo de escombros, mas não. O avião está partido mas os destroços estão praticamente todos ali", confessou.

A 21 de janeiro, o avião que transportava Emiliano Sala de Nantes, França, para Cardiff, no País de Gales, deixou de comunicar, numa altura em que atravessava o Canal da Mancha. Sala tinha sido recrutado ao Nantes pelo Cardiff por cerca de 17 milhões de euros e ele mesmo se encarregou de marcar o voo, recusando a oferta de transporte do clube galê

O navio utilizado nas operação privada de busca a Emiliano Sala
O navio utilizado nas operação privada de busca a Emiliano Sala

O jogador comunicou-se com amigos e expressou o seu temor em viajar no avião, pois tinha experimentado muita turbulência num outro voo que fizera entre Nantes e Cardiff.

O monomotor Piper PA-46-310P Malibu desapareceu dos radares segunda-feira pelas 20:00 cerca de 20 kms a norte de Guernsey. Antes, a ilha vizinha de Jersey tinha informado que o avião voava de início a 1500 pés, antes de descer para os 700 pés e depois desaparecer no radar.

Quem é Emiliano Sala, o jogador que está desaparecido? Do Alentejo para a Premier League com recorde
Quem é Emiliano Sala, o jogador que está desaparecido? Do Alentejo para a Premier League com recorde
Ver artigo

O ponta de lança, que representa o Nantes desde 2015 e que esta época marcou 13 golos em 21 jogos pela equipa francesa, tinha acabado de assinar pelos galeses do Cardiff, equipa da Primeira Liga inglesa.

Na sua carreira, Emiliano Sala passou pelos clubes portugueses do FC Crato, dos campeonatos distritais, antes de seguir para França, onde representou o Bordéus, o Orléans, Chamois Niortais, Caen e Nantes.

*Artigo atualizado com mais declarações do  oceanógrafo David Mearns.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.