O documentário sobre a vida de Neymar, intitulado O Caos Perfeito, já estreou na Netflix e o internacional brasileiro fala sobre as críticas de que tem sido alvo ao longo dos anos.

"Não me importa o que os outros pensam de mim, sei o que faço e sei como jogo. Sou transparente. Não me importa se dizem 'Neymar quer é festa' ou mais não sei o quê. Como é que eu joguei? Se estás zangado isso é problema teu. A vida é minha e eu faço o que quero", começou por dizer.

"Não se pode dar ouvidos às críticas. Sou mais criticado do que mereço e é difícil. Para a minha família e para os meus amigos mais próximos sou o Batman, mas se não me conheces sou o Joker", acrescentou o internacional brasileiro.

Na banda desenhada, tal como nos filmes, o Batman é o herói, enquanto o Joker é o vilão da história.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.