Neymar poderá ter deixado França e voado no seu avião particular para o Brasil, para estar com a sua família e sair assim da Europa, onde a pandemia do coronavírus está a atingir proporções que ainda não atingiu no Brasil.

O jornal francês 'Le Parisien' avança com essa possibilidade esta quarta-feira, alicerçando esta sua teoria na pouca atividade que o jogador brasileiro tem tido ultimamente nas redes sociais.

Perante a suspensão das competições futebolísticas em França, o Paris Saint-Germain decretou o fecho das suas instalações e os jogadores da formação parisiense receberam do clube ordens para permanecerem nas respectivas casas de 'quarentena' e seguirem um determinado plano de treinos.

Muitos dos jogadores do clube têm cumprido à risca essas ordens, publicando mesmo nas respetivas redes sociais algumas das rotinas de treino que têm levado a cabo. Mas, de acordo com o 'Le Parisien', alguns jogadores, como Neymar, terão desrespeitado essa indicação e atravessado as fronteiras para seguirem para os respetivos países.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.