André Villas-Boas deverá mesmo estar de saída do Marselha, na sequência da demissão do diretor desportivo do clube, Andoni Zubizarreta. O jornal 'LÉquipe' fala mesmo este sábado num "divórcio consumado" entre a formação marselhesa e o treinador português.

De acordo com a mesma publicação, o Marselha já terá mesmo começado a olhar para o mercado á procura de eventuais substitutos e na linha da frente estará outro português, profundo conhecedor do futebol francês. Trata-se de Leonardo Jardim, que conta com duas passagens pelo comando técnico do Mónaco.

Os bons resultados alcançados pelo técnico madeirense ao leme do conjunto monegasco - onde conquistou por uma vez a Ligue 1 e atingiu as meias-finais da Liga dos Campeões - deixam Leonardo Jardim bem posicionado para suceder, então, a André Villas Boas, que em 2019/20 colocou o Marselha no segundo lugar da Liga francesa, entretanto dada por concluída, com o clube a garantir desta forma o há muito aguardado regresso à mais importante prova europeia de clubes.

Segundo o 'L'Équipe', há contudo outros nomes em cima da mesa. Um deles é Christophe Galtier, atual treinador do Lille.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.