Nos jogos de hoje à tarde da Liga Europa, a goleada maior foi a do Bayer Leverkusen ao Nice, por 6-2, e houve 'saborosas' vitórias fora do AZ Alkmaar em Nápoles, por 1-0, e do Granada em Eindhoven, por 2-1.

O PAOK, treinado por Abel Ferreira e responsável pela 'queda' do Benfica da Liga dos Campeões para a Liga Europa, dececionou ao empatar na receção ao Omonia de Nicósia, por 2-1, enquanto que a Roma, de Paulo Fonseca, se saiu bem da tarefa e bateu o Young Boys, em Berna, por 2-1.

No grupo D, o Benfica lidera a par do Rangers, que também começa bem, com o triunfo averbado pelos escoceses em Liége por 2-0. São claramente os favoritos para seguir para a eliminação direta.

O Benfica foi um dos destaques no arranque da fase de grupos da Liga Europa de futebol, com uma concludente vitória na Polónia sobre o Lech Poznan, por 4-2, com o uruguaio Darwin Núñez a brilhar ao fazer 'hat-trick'.

Em Poznan, os pupilos de Jorge Jesus adiantaram-se de penálti aos nove minutos, com o golo de Pizzi. Ao quarto de hora, o sueco Mikael Ishak empatou, após o que começou o 'vendaval' Núñez, que adiantou a formação portuguesa ainda antes do intervalo.

Depois, foi de novo Ishak a marcar, no 'canto do cisne' dos polacos, antes do uruguaio 'faturar' mais dois e resolver a partida.

Curiosamente, o Lech Poznan alinhou com o mesmo de número de portugueses de início - um apenas. Foi o médio Pedro Tiba (Pizzi foi o único luso titular no Benfica).

Bom resultado sem dúvida o 2-0 do Rangers em Liége. Marcaram Tavenier e Roofe pelo histórico do futebol escocês.

A goleada do Leverkusen ao Nice, no qual Rony Lopes foi suplente utilizado, não estava nas previsões, atendendo ao bom arranque do campeonato dos gauleses, onde são quartos.

Também no Grupo C, o Hapoel Beer-Sheva, com Josué e Miguel Vítor, impôs-se por 3-1 ao Slavia de Praga.

Boas entradas no grupo A da Roma, de Paulo Sousa, com 2-1 ao Young Boys, mas também para o Cluj, que derrotou o CSKA de Sófia, de Tiago Rodrigues, por 2-0.

Treinado por Abel Ferreira, o PAOK eliminou o Benfica no acesso ao 'play-off' da ‘Champions’, mas depois também ele caiu para a Liga Europa, e hoje começou mal, com um empate caseiro ante o Omonia (com Vítor Gomes na equipa), por 1-1.

Assim sendo, o comando do grupo E fica para o Granada, do guarda-redes Rui Silva, depois de uma bela vitória por 2-1 nos Países Baixos, sobre o PSV.

Para 'compensar' este desaire holandês, o AZ brilhou em Nápoles e ganhou por 1-0. Mário Rui foi suplente utilizado pelos napolitanos.

A equipa de Alkmaar reparte o comando do grupo F com a Real Sociedad, que também venceu fora e por 1-0, mas ao Rijeka (por quem alinhou João Escoval).

No grupo B, o favoritismo é do Arsenal e os 'gunners' começaram bem, com 2-1 ao Rapid de Viena. Cedric Soares jogou pela formação londrina.

No outro jogo do mesmo grupo, o Molde foi à Irlanda bater o Dundalk, também por 2-1.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.