No último mercado de transferências, em janeiro, o mundo do futebol ficou de boca aberta com a transferência de Francisco Trincão do Sporting de Braga para o Barcelona por 31 milhões de euros. Já passaram vários meses, mas o negócio continua a dar que falar.

Esta quinta-feira, os italianos do Calciomercato fizeram contas e chegaram à conclusão que a Gestifute de Jorge Mendes recebeu 7 milhões de euros de comissão pela transferência, ou seja, cerca de 23% do valor pago pelos espanhóis.

"Obviamente, estávamos certos. Fomos os primeiros a dar conta da estranheza da fórmula com que se deu a transferência dos direitos económicos de Francisco Trincão do SC Braga para o Barcelona", escrevem os italianos, acrescentando que consideram "bizarro o mecanismo de bónus em benefício do agente".

FOTOS: Estas são, para já, as transferências mais caras deste verão. Há um português na lista
FOTOS: Estas são, para já, as transferências mais caras deste verão. Há um português na lista
Ver artigo

A notícia causou bastante alarido nas redes sociais e uma das figuras a comentar o caso foi Rui Pinto, criador da plataforma Football Leaks. "Esta é a prática habitual utilizada pela Gestifute, ao longo dos últimos anos, nos contratos assinados com certos clubes Portugueses. Bastante esclarecedor...", escreveu o hacker nas redes sociais.

Recorde-se que Trincão, de 20 anos, assinou por cinco temporadas com o FC Barcelona e terá uma cláusula de rescisão de 500 milhões. Na época passada, no Sporting de Braga, Trincão marcou nove golos e fez 13 assistências.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.