Óscar Cardozo foi capaz do melhor e do pior na partida entre o Libertad e o Independiente, a contar para a Taça Sul-Americana.

O avançado paraguaio, que militou no Benfica, ainda marcou um golo para a sua equipa mas perto do final do encontro acabou por 'borrar a pintura'.

Isto porque o atacante não reagiu bem à pressão do jogador adversário e atingi-o com o cotovelo, acabando por ser expulso no decorrer do lance.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.