O selecionador português de sub-21, Rui Jorge, disse hoje acreditar que Portugal irá “dominar a maior parte do jogo” de sábado com a Bielorrússia, no apuramento para o Europeu2023 de futebol, mas alertou para as transições rápidas do adversário.

“Esperamos uma Bielorrússia em 5x3x2 e acreditamos que vamos dominar a maior parte do jogo. Teremos sempre de ter algum cuidado nos ataques rápidos e bolas paradas da equipa adversária”, considerou o técnico português na antevisão do jogo.

Rui Jorge, que falou ao canal televisivo da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), disse ainda não dar importância ao favoritismo que a seleção das ‘quinas’ possa ter, mas ao trabalho que todos têm de fazer.

“Ligo ao trabalho que temos de fazer, ao estudo que temos de fazer das equipas adversárias, à forma como nos devemos apresentar. No fim, poderemos dizer se estivemos ou não ao nível para ganhar”, explicou.

A três jornadas do final do apuramento para o Europeu de 2023 e quando lidera o grupo D, com mais dois pontos do que a Grécia e menos um jogo disputado, Rui Jorge faz um balanço positivo do que tem sido a campanha lusa.

“Acho que temos disputado todo o apuramento de uma forma muito correta e muito boa. Espero continuar assim”, disse.

Na antevisão, o técnico disse ainda que Nuno Tavares, lateral que apresenta queixas na coxa direita, ainda "não está apto".

O jogo com a Bielorrússia disputa-se em campo neutro, na Academia da FIFA em Yerevan (14:00 horas de Lisboa), seguindo-se o embate com o Liechtenstein, em Vaduz, em 07 de junho, e com a Grécia, em 11, em Barcelos.

A seleção lidera o grupo D com 19 pontos, mais dois do que a Grécia, segunda classificada com mais um jogo e principal rival na luta pela qualificação para o próximo Europeu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.