Zico, figura emblemática do Flamengo, falou esta segunda-feira sobre a renovação de contrato de Jorge Jesus. O vínculo do técnico português termina a 20 de junho, com o antigo futebolista a garantir que as condições mudaram por força da COVID-19.

"A situação mudou muito depois da pandemia, principalmente pela mudança na moeda também. Isso aí gera um valor muito alto que talvez o Flamengo não esperasse. Eu fiz uma entrevista com ele para o meu canal e a impressão que me deu é que ele só não renovaria com o Flamengo se tivesse uma proposta de um Real Madrid, Barcelona, Bayer Munique, Manchester United, Manchester City, essas equipas topo que, na opinião dele, se igualam à equipa que ele está a orientar", afirmou Zico em entrevista ao programa 'Jogo Aberto'.

Jorge Jesus, recorde-se, pede 7,5 milhões de euros anuais para prolongar o vínculo com o Flamengo, onde conquistou, entre outros troféus, a Taça Libertadores e o Brasileirão.

"Se fosse para ir para uma equipa inferior à do Flamengo, ele preferia ficar no Flamengo. Agora, esses valores são altos. No momento que os clubes estão vivendo é muito complicado assumir um compromisso e depois acabar por ir por água abaixo. Eu acredito que o momento é de reflexão e conversa, como bem disse o Marcos Braz [vice-presidente do Flamengo], por tudo isso que aconteceu nos últimos 30 dias", defendeu Zico.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.